13.12.2017

CAPÍTULO VI

Na rua, a notícia de que a ex-esposa do réu havia ingressado na sala onde ele estava correu, determinando que muitos repórteres que haviam se recolhido às redaçōes  de jornais e emissoras de televisão receberam a informação e voltaram correndo. Parece que ag...

05.12.2017

 Tenho visto teses e mais teses, trabalhos escolares e artigos e ouvido discursos de todo tipo, condenando a “judicialização da saúde”, como sendo uma barbaridade. E concordo. Sabem por que?

Quem inventou a remessa da solução de atendimento de necessidades de internaçõe...

04.12.2017

CAPÍTULO V

Na sala de audiência, as luzes foram diminuídas, para permitir o descanso do réu e para reduzir a visão que a imprensa e as pessoas que se acumulavam, agora em menor número, podiam ter do palco dos acontecimentos, apesar das cortinas fechadas.

Acompanhava o ré...

29.11.2017

RESPEITEM AS CRIANÇAS

Se você quiser, de fato, aparecer, é só dizer uma grande asneira, daquelas que todo mundo sabe que vai levar paulada de todo lado, na internet.

Por mais estúpidas que as pessoas sejam, todas sabem os limites que a boa educação, a gentileza e a lei e...

27.11.2017

https://www.adedeycastro.com.br/single-post/2017/11/21/Manual-de-Direito-Ambiental-3-Volumes-para-download

20.11.2017

O PRECONCEITO EXISTE

É certo que existem alguns exageros de interpretação, mas, posso afirmar com segurança e experiência própria, que o preconceito, que é a ideia preconcebida, em geral desprovida de bases científicas, acerca de determinados fatos ou pessoas.

Claro está...

10.11.2017

CAPÍTULO IV

Sentindo que podia ganhar alguma coisa, se ajudasse, a mulher tratou de garantir-se. Já passava das dez da noite. Lá fora, o grupo de pessoas dispostas a apoiar ou rejeitar havia diminuído um pouco, o que encheu o coração do juiz de esperança de que o movime...

09.11.2017

CAPÍTULO III

Dezoito horas e vinte minutos, quase fim do expediente. Já se passara três horas do momento em que o homem decidira ficar na sala de audiência esperando a justiça. Estava difícil manter a ordem, pois a imprensa se negava  a sair, alegando direito de informa...

07.11.2017

CAPÍTULO  II

Cabeça baixa, sente o burburinho, não vê as pessoas, ouve comentários, uns de apoio - pobre pai! - a maioria de desagrado - este cara está desafiando o Poder Judiciário! - mas a única coisa que quer, de verdade, é que seja feita a justiça.

Mas, a justiça foi...

CAPÍTULO I

A sentença, ditada em voz baixa e, parecia, envergonhada, dizia:
- Isto posto, julgo procedente a ação de guarda para deferi-la em favor da autora, uma vez que comprovadamente preenche melhores condições que o pai, réu, para criar, manter e educar a criança.....

Please reload

João Marcos Adede y Castro

JOÃO MARCOS ADEDE Y CASTRO é graduado em Direito pela Universidade Federal de Santa Maria, sendo Mestre em Integração Latino Americana, pela mesma Universidade.

 

É doutor em Ciências Jurídicas e Sociais, pela Universidade del Museo Social Argentino, e doutorando em Direito Civil pela Universidade de Buenos Aires, ambas de Buenos Aires.  

 

Foi Promotor de Justiça do Estado do Rio Grande do Sul por quase 30  anos, tendo exercido as atribuições de Promotor de Justiça Especializada de Defesa Comunitária, com atuação preponderante nas áreas de defesa do meio ambiente, interesses sociais e coletivos e improbidade administrativa. É Professor Universitário.

 

 É membro e  Presidente da Academia Santa-Mariense de Letras, ocupando a cadeira número 16, cujo patrono é o escritor e jurista  Darcy Azambuja. É advogado em Santa Maria, RS.

Procure por Tags

© 2017 por João Marcos Adede y Castro

  • Facebook Black Round
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now